FCDL/SC destaca uso da inteligência artificial no varejo durante o Retail’s Big Show, em Nova Iorque

0
24

A inteligência artificial em favor das relações humanas foi a principal temática abordada na maior feira do varejo mundial, a NRF Retail’s Big Show, que ocorreu entre 12 e 14 de janeiro, em Nova Iorque. Durante os três dias de programação, o evento recebeu mais de 40 mil participantes de 90 países e 200 palestras com os principais empresários do planeta.

A FCDL/SC esteve representada pelo presidente Ivan Roberto Tauffer; pelos vice-presidentes de Serviços, Gilberto João Badalotti; de Aperfeiçoamento Empresarial e CDL Jovem, Walmor Jung Júnior; e de Administrativo e Financeiro, José Raulino Esbiteskoski.  Além de presidentes de CDLs e demais líderes lojistas do Estado.

A comitiva catarinense trocou experiências com empresários de diversos segmentos e conheceu as novas tecnologias disponíveis para o setor varejista. A feira apresentou cases de sucesso de pequenas empresas que criaram produtos inovadores e conseguiram deslanchar no mercado. Também foi reforçado que as tendências de atendimento estão passando por diversas transformações tecnológicas, mas que a conexão e o relacionamento com o público-alvo nunca podem ser deixados em segundo plano.

“Estamos na era da modernização que vem modificando muito as técnicas utilizadas no varejo. Entretanto, as relações humanas não podem ser esquecidas dentro destes processos, pois só elas são capazes de criar conexões verdadeiras com os clientes e gerar uma experiência diferenciada”, reforçou o presidente da Federação, Ivan Roberto Tauffer.

Uma das palestras mais comentadas foi a ‘Cultivando o sentimento humanista no varejo moderno: Uma conversa com Kevin Johnson, Presidente e CEO da Starbucks’, que mostrou a missão da empresa em criar uma experiência para o cliente com base na humanização do atendimento.

Entre outros temas debatidos na NRF 2020, destacaram-se as programações que abordaram inteligência artificial no varejo, inovação, sustentabilidade, a venda por múltiplos canais, métodos de compras, tendências de comportamento de consumo e o futuro do setor.

DEIXE UMA RESPOSTA