Vendas de Páscoa cresceram 4,47% em Santa Catarina, aponta FCDL/SC

0
8

As vendas de Páscoa no comércio do estado mostraram que o catarinense está retomando o hábito de compras. A comprovação está no levantamento realizado pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de SC (FCDL/SC) nas 20 cidades de maior potencial de consumo, logo após a data, que apontou crescimento de 4,47% na comparação com o mesmo período do ano passado e tíquete médio de R$ 150.

As vendas foram semelhantes ou tiveram ampliação, na percepção de 67,25% dos empresários. Esses dados, somados à decisão por postergar os pagamentos (33,6% das vendas foram no crediário e 50% no cartão de crédito), reforçam a avaliação de Ivan Tauffer, presidente da entidade, de que o consumidor começa a perceber estabilidade econômica. “O catarinense está mais otimista, seja com a percepção de estabilidade político-econômica, seja com a expectativa de disponibilidade de renda. É a mesma sensação que já estávamos percebendo nos últimos levantamentos”, acrescenta.

O resultado confirma a previsão divulgada duas semanas antes da Páscoa, em que a maioria dos empresários previa vendas iguais ou melhores. O valor do tíquete médio superou as expectativas, visto que a maior parte dos consultados aguardava que o valor fosse de até R$ 100.

No calendário de datas comemorativas, a Páscoa vem crescendo na preferência dos consumidores e se consolidou ao longo dos anos com uma grande oportunidade de vendas, como lembra Ivan Tauffer, presidente da FCDL/SC. “Anteriormente ligada apenas aos chocolates e aos doces, hoje abrange outros setores do comércio. Muitos pais, preocupados com alternativas de lembranças para seus filhos, escolhem novas opções de presentes”, finaliza o dirigente.

DEIXE UMA RESPOSTA